eal 

O edifício e a sua história

pottery classes with father

O desejo de um dos últimos mestres oleiros de Lagoa, o Mestre Fernando Rodrigues, em divulgar a arte tradicional da Olaria, esteve na génese deste projeto.

O edifício da Escola de Artes conheceu antes várias outras utilizações, entre as quais, a de açougue.

Em 1982, o Mestre Fernando Rodrigues propôs à Câmara Municipal de Lagoa a criação de uma Escola de Artesanato nestas instalações que se encontravam abandonadas. Catorze anos depois, a partir de 1996, o Mestre passou a contar com uma importante aliada, a pintora Manuela Vale.

O Mestre Fernando Rodrigues e a formação em olaria que aqui ministrou, bem como as aulas de pintura da artista Manuela Vale, marcaram indelevelmente a história deste espaço, conferindo-lhe identidade e vocação.

Desde então, e em particular nos últimos anos, o Município de Lagoa tem vindo a melhorar as condições da Escola de Artes, abrindo-a progressivamente à comunidade local.

Em abril de 2013, o espaço recebeu a designação oficial de Escola de Artes - Mestre Fernando Rodrigues. A EAL não só recuperou uma tradição que se encontrava em vias de desaparecimento – a olaria – como também passou a valorizar, dignificar e promover outras aprendizagens artísticas. Desde então, é notório o crescente acolhimento de artistas profissionais e amadores bem como atividades que se movem em torno do interesse comum pelas artes plásticas e decorativas.

 

Objetivos

atividades2020 2

 A EAL é um Equipamento Municipal, perto do coração da cidade. É uma referência no panorama artístico do concelho, dispondo de uma programação regular de exposições temporárias, oficinas artísticas, serviço educativo e conferências.

 A EAL procura incluir na sua atividade e programação uma oferta abrangente e diversificada nas Artes Plásticas, Belas Artes e Artes Decorativas, tais como a Olaria, a Pintura de azulejo, a Pintura artística, o Desenho, a Ilustração, a Música, a Tapeçaria, a Escultura e a modelagem. Procura assim democratizar o acesso ao ensino artístico, apoiando e promovendo o trabalho criativo realizado no concelho de Lagoa.

 A EAL promove também uma forte atividade com as escolas, instituições e entidades através da oferta de um serviço educativo estruturado.

 A EAL caracteriza-se por ser um espaço privilegiado para a criação, aprendizagem, intercambio e reflexão com e entre os seus artistas profissionais, artistas amadores e a comunidade.

Considerando as Artes como via para o desenvolvimento humano, o Município de Lagoa tem vindo a investir nas instalações e nos recursos deste espaço de educação não formal. Uma forte aposta será reforçar e ampliar futuramente a oferta na área das belas artes, da multimédia e arte terapia e a certificação da oferta formativa fortalecendo assim o papel da EAL em corresponder às diferentes expetativas dos diferentes públicos, independentemente da idade, nacionalidade ou formação académica.

 

Oficinas artísticas

 atividades2020 2

São de natureza diversa as atividades e manifestações artísticas que se realizam na Escola de Artes de Lagoa. Patrocinadas em exclusivo pela Câmara Municipal de Lagoa ou em parceria com outras entidades e artistas, desenvolvem-se nas áreas da pintura, desenho/ilustração científica, olaria, azulejaria, escultura, música, tapetes de arraiolos, renda de bilros, guitarra, arte sequencial(banda desenhada e mangá), conservação e restauro, entre outras. 

As oficinas são concebidas e orientadas para o público em geral, crianças, jovens, pessoas mais velhas e/ou portadores de deficiência. Além do desenvolvimento artístico, estas oficinas são também lugares de descoberta, de amizade e convívio social. 

Todas estas propostas contribuem para descobrir e criar ligações entre pessoas, linguagens e ideias. A sua confluência ajuda a derrubar preconceitos, dando mais espaço à diversidade e à pluralidade artísticas e ao intercâmbio cultural.

 A participação nas oficinas está sujeita a inscrição e por isso a um número limitado de participantes consoante a lotação do espaço.

 

Espaços

As instalações facilitam o acesso e a circulação de todas as pessoas, inclusive com mobilidade reduzida, pelos seus diversos espaços exteriores, oficinas, galeria e casas de banho. Assim é possivel usufruir por completo da experiência artística.

Galeria Manuela Vale

galeria manuela vale

Neste espaço encontrará o serviço de atendimento da Escola de Artes de Lagoa, um pequeno núcleo bibliográfico constituído por livros, catálogos, revistas sobre técnicas plásticas, pintores e história de arte.

A sua entrada principal com uma ampla porta de vidro permite comunicar e partilhar melhor a sua oferta, reforçando assim o contacto com a comunidade e o espaço exterior. Composta por duas salas amplas, com iluminação natural, aclimatizadas e equipadas para receber exposições temporárias, conferências, ações de formação ou eventos de pequena dimensão.

 A Galeria complementa toda a atividade artística realizada nas oficinas.

Este equipamento cultural está disponível à população em geral. Os pedidos de utilização de espaços deverão ser formalizados para o seguinte email:

Sala de Desenho

sala de desenho

Esta é uma sala de média dimensão, equipada com mesas de trabalho, com bastante iluminação natural e aclimatizada. Adequa-se a grupos de menores dimensões e tem igualmente acessibilidade para pessoas com mobilidade reduzida e acesso a internet sem fios.

Sala de Pintura

sala de pintura

Esta sala de dimensões maiores é equipada com estiradores, cavaletes, lavatório, tem bastante iluminação natural e é aclimatizada. Adequa-se ao trabalho com grupos de maior dimensão e tem igualmente acessibilidade para pessoas com mobilidade reduzida e acesso a internet sem fios.

Olaria e Cerâmica

fornos

As instalações e os equipamentos da Oficina de Olaria continuam a ser um pilar estruturante na atividade da Escola de Artes. Esta oficina permite aos interessados evoluir nas técnicas de olaria, cerâmica e escultura em contexto de aprendizagem e experimentação.

Esta sala divide-se em espaços vocacionados para a preparação do barro, para a prática de modelagem, para a pintura de cerâmica, para a escultura e queima. Está equipada com dois fornos e uma mufla, rodas de oleiro manuais ou mecânicas, fieira e lavatório.

 É também acessível a pessoas com mobilidade reduzida e acesso a internet sem fios.

Centro Interpretativo

  

 centro interpretativo

Valorizar o património e a memória relativos à olaria nesta região, reconhecendo o valioso contributo do Mestre Fernando Rodrigues, são desígnios deste espaço. Potenciar este saber, abrir o espaço ao público, dinamizar uma área expositiva contando com parte do espólio do Mestre Fernando Rodrigues e de outros artistas, oleiros e ceramistas que à Câmara Municipal de Lagoa têm vindo a doar as suas peças, são pressupostos da EAL neste espaço.

Exposições e actividades

Proximas atividades

     

 

 

escultura em gres

   

 

Oficina de Escultura em Grés

A Escola de Artes Mestre Fernando Rodrigues dá início a partir de dia 19 de fevereiro às Oficinas de Escultura em Grés que se irão realizar ao terceiro sábado de cada mês entre as 15h00 e as 18h00.

O trabalhar o barro é como mexer na terra, tem propriedades terapêuticas.

Vamos explorar a criação da forma, ao mesmo tempo que exploramos as nossas imagens do mundo e de nós próprios, podendo assim, desconstruir estereótipos e preconceitos e deixar-nos fluir pelo prazer de criar e construir com o barro.

A Oficina de escultura em Grés será orientada pela artista plástica Sandra Afonso, licenciada em Artes Plásticas – Escultura pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto.

Estas oficinas são  destinadas a adultos com curiosidade nas artes plásticas em geral, ou com conhecimento artístico prévio e visam desenvolver as bases da iniciação à Escultura, podendo em seguida prosseguir para a aquisição de novos conhecimentos e competências plásticas.

A participação nas Oficinas de Escultura em Grés está  limitada às vagas existentes e tem um custo associado (inclui os materiais). Deverá fazer a sua inscrição prévia para o email escola.artes@lagoa.pt 

Venha daí participar e colocar a mão no Grés!

 

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 

Atividades realizadas

 

olaria jun 22    

 

Oficina intensiva em Roda de Oleiro

Escola de Artes de Lagoa - Mestre Fernando Rodrigues irá realizar a “Oficina de Roda de Oleiro” (formação intensiva) entre os dias 13 e 16 de junho, no horário compreendido entre as 09h30 e as 13h00. A formação é de nível iniciado e destinada à população em geral a partir dos 16 anos.

Para participar é necessário inscrição prévia (limitada às vagas existentes) para o e-mail: ">

A “Oficina de Roda de Oleiro” será dinamizada pelo formador Ricardo Lopes.

Sinopse: É de longa data conhecida a estreita relação da cidade de Lagoa com a Olaria.

Comprometida em manter a tradição em Lagoa, damos-lhe agora a oportunidade de praticar esta arte tradicional.

Com o objetivo de dotar os/as participantes de uma base sólida comum, que lhes permita desenvolver um trabalho de autor, que compreendam e integrem os passos fundamentais da conformação na roda de oleiro.

A oficina será orientada numa sequência de técnicas desde a conformação ao acabamento, encadeadas de modo progressivo e com complexidade crescente permitindo explorar a criatividade individual.

A Escola de Artes de Lagoa - Mestre Fernando Rodrigues tem sido uma referência no concelho de Lagoa e, na região, pelo trabalho que tem desenvolvido junto dos diferentes públicos na área das Artes Plásticas e Decorativas.

 

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

oficina maio22    

 

Oficina intensiva em Roda de Oleiro

A Escola de Artes de Lagoa - Mestre Fernando Rodrigues irá realizar a “Oficina de Roda de Oleiro” (formação intensiva) entre os dias 16 e 19 de maio, no horário compreendido entre as 09h30 e as 13h00. A formação é de nível iniciado e destinada à população em geral a partir dos 16 anos.

Para participar é necessário inscrição prévia (limitada às vagas existentes) para o e-mail: ">

A “Oficina de Roda de Oleiro” será dinamizada pelo formador Ricardo Lopes.

Sinopse: É de longa data conhecida a estreita relação da cidade de Lagoa com a Olaria.

Comprometida em manter a tradição em Lagoa, damos-lhe agora a oportunidade de praticar esta arte tradicional.

Com o objetivo de dotar os/as participantes de uma base sólida comum, que lhes permita desenvolver um trabalho de autor, que compreendam e integrem os passos fundamentais da conformação na roda de oleiro.

A oficina será orientada numa sequência de técnicas desde a conformação ao acabamento, encadeadas de modo progressivo e com complexidade crescente permitindo explorar a criatividade individual.

A Escola de Artes de Lagoa - Mestre Fernando Rodrigues tem sido uma referência no concelho de Lagoa e, na região, pelo trabalho que tem desenvolvido junto dos diferentes públicos na área das Artes Plásticas e Decorativas.

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 

abril traz novas coras22

   

 

 

Abril traz novas cores/ April brings new colors, 2022

Convite a artistas para Exposição Temporária de Artes Plásticas | Open artist call for Temporary Exhibition of Plastic Arts

A primeira edição de "Abril traz novas cores", apesar de ter sido realizada em tempos críticos de pandemia, foi uma iniciativa de enorme sucesso e muito bem acolhida por parte da comunidade de artistas e pelo público em geral.

As circunstâncias continuam em mudança e nós continuamos a nossa adaptação à presente realidade que se define com novos contornos. A expressão artística não fica alheia a estes novos tempos francamente inusitados. A persistência e a crescente capacidade criativa conduzem-nos a novas reflexões e a maneiras diferentes de interpretar esta nova contemporaneidade.

Por este motivo a Escola de Artes de Lagoa – Mestre Fernando Rodrigues convida os/as artistas interessados/as a submeter a sua participação, tema livre, nesta Exposição coletiva de Artes Plásticas.

As categorias para participação variam entre arte multimédia, cerâmica artística, desenho, escultura, fotografia, instalação, pintura ou outro cruzamento disciplinar/ outra variante artística.

Podem apresentar trabalhos artistas, de qualquer nacionalidade, residentes ou a trabalhar no concelho de Lagoa.

Como participar?

Envie-nos um email com informação sobre a/o artista (nome, contacto, pequena nota biográfica e sítio online) acompanhado de um ficheiro com a imagem (nome do artista.jpg, tamanho max. 10 MB) e informação sobre a peça (título, ano, técnica, dimensões) para:

A receção de trabalhos será nos dias úteis, até 18 de Abril/2021 das 9h30 às 12H00 e das 14h30 às 17h00

Se é artista ou se tem um trabalho que gostaria de ver exposto esta é a sua oportunidade. Participe!

 

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 

Olaria intensiva

   

 

Oficina intensiva de Roda de Oleiro

Escola de Artes de Lagoa - Mestre Fernando Rodrigues apresenta a Oficina de Roda de Oleiro (Formação intensiva) com o Formador Ricardo Lopes que se irá realizar de 25 a 29 de outubro em dois horários: Nível Iniciado entre as 10h00 e as 13h00 e Nível Avançado entre as 14h00 e as 17h00.

Será necessário efetuar a inscrição para onde deverão indicar o nome do participante, contactos, e indicar qual o nível que pretende frequentar. A participação é destinada a maiores de 16 anos e limitada às vagas existentes.

É de longa data conhecida a estreita relação da cidade de Lagoa com a Olaria.

Comprometida em manter a tradição em Lagoa, damos-lhe agora a oportunidade de praticar esta arte tradicional.

Ao longo de cinco sessões, de formação intensiva, poderá adquirir os conhecimentos fundamentais e as competências necessárias para usar a roda de oleiro.

Com o objetivo de dotar os/as participantes de uma base sólida comum, que lhes permita desenvolver um trabalho de autor, a oficina será orientada numa sequência de técnicas desde a conformação ao acabamento e decoração, encadeadas de modo progressivo e com complexidade crescente permitindo explorar a criatividade individual.

A Escola de Artes de Lagoa - Mestre Fernando Rodrigues tem sido uma referência no concelho de Lagoa e, na região, pelo trabalho que tem desenvolvido junto dos diferentes públicos na área das Artes Plásticas e Decorativas.

Para inscrições e/ou informações:

 

férias artisticas 2021

   

 

Férias Artísticas 2021

Pretende-se através da formação pela arte, facilitar aos mais jovens a fruição artística e o acesso ao ensino artístico.

Será possível experimentar, criar, usufruir de diversas técnicas e materiais de expressão plástica, contribuindo para o desenvolvimento da criatividade, sensibilidade e gosto pessoal pelas atividades artísticas e culturais.

As oficinas serão realizadas ao ar livre num espaço de liberdade, criação e momentos de partilha descontraídos!

 

Email para informações e inscrições :

 

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 

oficina pinhole

   
 
Lagoa d'Arte + : Oficina de Pinhole
 
A Escola de Artes de Lagoa - Mestre Fernando Rodrigues tem sido uma referência no concelho de Lagoa e, na região, pelo trabalho que tem desenvolvido junto dos diferentes públicos na área das Artes Plásticas e Decorativas.
A EAL propõe alargar a sua oferta formativa através da rubrica "Lagoa d'Arte +": Oficina de Pinhole (Fotografia)
"Na era digital por que passamos sinto esta falta da consciência do que é uma fotografia num estado mais puro.
Esta oficina visa mostrar o princípio básico de uma imagem fotográfica que requer e traduz o tempo.
Pretende-se dar a conhecer os princípios da fotografia analógica e a sua história, bem como a construção de uma câmara estenopeica (pinhole). Nesta oficina será convidado/ a construir a sua própria câmara, fotografar com ela e revelar as suas próprias imagens. A oficina pretende, essencialmente, elucidar sobre as bases da fotografia numa era em que as suas raízes são totalmente ultrapassadas pelo digital."
 

A participação está sujeita a inscrição prévia.

Email para informações e inscrições :

 

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 

BD

 

   

 

Oficina de Banda Desenhada e Mangá (nível iniciado)

Nesta oficina será possível trabalhar a literacia visual, o desenvolvimento de técnicas plásticas e a exploração de conteúdos técnicos e formais da arte  sequencial. Pretende-se percorrer todas as fases do processo até à criação de um fanzine.

Conteúdos:

-  Introdução à arte sequêncial;

- Desenvolvimento do pensamento e expressão gráfica e narrativa;

- Adquirir competências técnicas e autorais na conceção de uma história curta;

- Criação de um fanzine;

-Apresentação pública dos exercicios finais.

 

O número de participantes está limitado à lotação do espaço e por isso sujeito a inscrição através do email:

 

guitarras 1

 

   

 

Concerto Orquestra de Guitarra do Algarve

A Escola de Artes Mestre Fernando Rodrigues, em Lagoa, recebeu no dia 26 de junho pelas 18h00  o Concerto da Orquestra Juvenil de Guitarras do Algarve.

Este concerto deu a conhecer o trabalho desenvolvido ao longo do ano pelo alunos da Escola de Artes de Lagoa bem como o projeto aí desenvolvido.

Um concerto para toda a família, ao final da tarde e ao som das guitarras.

 

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 

April Brings

   

 

Abril traz novas cores/ April brings new colors, 2021

Convite a artistas para Exposição Temporária de Artes Plásticas | Open artist call for Temporary Exhibition of Plastic Arts

Em abril regressam as exposições à Galeria Manuela Vale na Escola de Artes Mestre Fernando Rodrigues e convida-se os/as artistas, do concelho de Lagoa, residentes ou a trabalhar, que pretendam ver o seu trabalho incluído nesta exposição, a participar até ao próximo dia 19 de abril.

A exposição intitula-se “Abril Traz Novas Cores” e poderá participar enviando para o email:  a informação do/a artista (nome, contacto, pequena nota biográfica e sítio online) acompanhada da imagem (nomedoartista.jpg, tamanho max 10MB) e  informação sobre a peça (título, ano, técnica, dimensões).

As categorias para participação variam entre: arte multimédia, cerâmica artística, desenho, escultura, fotografia, instalação, pintura ou outro cruzamento multidisciplinar.

A receção dos trabalhos será feita nos dias úteis nos períodos compreendidos entre as 09h30 e as 12h00 e das 14h30 às 17h00, tendo como data limite o dia 19 de abril.

A apresentação ao público terá o seu início no dia 22 de abril, ficando a mesma patente até dia 22 de maio. A entrada é gratuita e poderá visitar a exposição de segunda-feira a sexta feira, nos períodos compreendidos  entre as 09h30 e as 12h00 e das 14h30 às 17h00.

Muit@s artistas continuaram a desenvolver e a criar durante o confinamento. É através desses trabalhos que surgem novas leituras e novos registos que contarão e convidarão a refletir sobre os ajustes feitos às rotinas, ao dia-a-dia, aos valores de liberdade e às restrições sociais provocados pela atual situação de pandemia que todos nós vivemos.

Não deixe de participar até dia 19 de abril e/ou visitar esta exposição a partir de dia 22 de abril!

Mais liberdade, maior responsabilidade! Todos os cuidados são poucos.

 

For information in english please open the image in another tab.

 

Exposições patentes

cartazhoponopono jul22 

   

 

Ho'ponopono, 2022

A Escola de Artes Mestre Fernando Rodrigues, em Lagoa, recebe a exposição de pintura dos alunos da Artista Plástica Meire Gomes, intitulada “Ho'oponopono”,  que estará em exibição na Galeria Manuela Vale no período de 14 de julho a 31 de agosto.

Ho'oponopono, na língua havaiana, significa “corrigir um erro” ou “colocar em ordem perfeita”.

Esta exposição pretende “conscientizar, alertar a humanidade para a tarefa de corrigir as nossas atitudes” sensibilizar para as consequências de estarmos a cometer um crime ecológico.

“A nossa palavra é HO OPONOPONO…vamos corrigir, rever as nossas atitudes referentes aos animais que habitam o nosso planeta, que merecem todo o nosso respeito por fazerem parte da criação assim como o ser humano e toda a diversidade de vida existente na terra, na água, no céu… Ho ponopono  é um pedido de perdão aos animais em via de extinção por causa da nossa inconsequência.”

“As crianças e adultos, sob a orientação da Artista e Professora Meire Gomes, realizaram uma pesquisa e executaram trabalhos sobre animais que estão em sofrimento, uns por ignorância, outros por vaidade humana.”

A exposição é de entrada gratuita e pode ser visitada de segunda-feira a sexta-feira no período das 09h30 às 12h00 e/ou no período das 14h30 às 17h00.

Não perca a oportunidade de visitar esta exposição e conhecer alguns dos trabalhos desenvolvidos por estes alunos.

 Escola de Artes Mestre Fernando Rodrigues, em Lagoa, recebe a exposição de pintura dos alunos da Artista Plástica Meire Gomes, intitulada “Ho'oponopono”,  que estará em exibição na Galeria Manuela Vale no período de 14 de julho a 31 de agosto.

Sinopse: Ho'oponopono, na língua havaiana, significa “corrigir um erro” ou “colocar em ordem perfeita”.

Esta exposição pretende “conscientizar, alertar a humanidade para a tarefa de corrigir as nossas atitudes” sensibilizar para as consequências de estarmos a cometer um crime ecológico.

“A nossa palavra é HO'OPONOPONO…vamos corrigir, rever as nossas atitudes referentes aos animais que habitam o nosso planeta, que merecem todo o nosso respeito por fazerem parte da criação assim como o ser humano e toda a diversidade de vida existente na terra, na água, no céu… Ho ponopono  é um pedido de perdão aos animais em via de extinção por causa da nossa inconsequência.”

“As crianças e adultos, sob a orientação da Artista e Professora Meire Gomes, realizaram uma pesquisa e executaram trabalhos sobre animais que estão em sofrimento, uns por ignorância, outros por vaidade humana.”

A exposição é de entrada gratuita e pode ser visitada de segunda-feira a sexta-feira no período das 09h30 às 12h00 e/ou no período das 14h30 às 17h00.

Não perca a oportunidade de visitar esta exposição e conhecer alguns dos trabalhos desenvolvidos por estes alunos.

 

Curadoria: Escola de Artes de Lagoa, Meire Gomes

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 

 

Exposições realizadas

cartaz com vista para o farol    

 

Com vista para o farol, 2022

Exposição Temporária de Artes Plásticas

 

A Escola de Artes Mestre Fernando Rodrigues, em Lagoa, recebe a exposição dos trabalhos dos alunos da Academia Sénior de Lagoa, intitulada “Com Vista para o Farol”,  que estará em exibição na Galeria Manuela Vale no período de 06 de junho a 08 de julho.

Pela celebração do Centenário do Farol de Alfanzina (1920-2020), erguido no cabo Carvoeiro algarvio, surge a mostra de trabalhos de alunos/as da Academia Sénior de Lagoa que tiveram como inspiração, entre outras temáticas, o Farol e a sua envolvente.

Assim como o farol guia a visão noturna, o trabalho apresentado poderá guiar-nos na fruição estética revelada pelas cores e pelas formas nas mais diversas interpretações.

A exposição é de entrada gratuita e pode ser visitada de segunda-feira a sexta-feira no período das 09h30 às 12h00 e/ou no período das 14h30 às 17h00.

Não perca a oportunidade de visitar esta exposição e conhecer alguns dos trabalhos desenvolvidos por artistas locais.

 

Curadoria: Escola de Artes de Lagoa

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 

 
abril traz novas coras22    

 

Abril traz novas cores/ April brings new colors, 2022

Exposição Temporária de Artes Plásticas | Temporary Exhibition of Plastic Arts

A primeira edição de "Abril traz novas cores", apesar de ter sido realizada em tempos críticos de pandemia, foi uma iniciativa de enorme sucesso e muito bem acolhida por parte da comunidade de artistas e pelo público em geral.

As circunstâncias continuam em mudança e nós continuamos a nossa adaptação à presente realidade que se define com novos contornos. A expressão artística não fica alheia a estes novos tempos francamente inusitados. A persistência e a crescente capacidade criativa conduzem-nos a novas reflexões e a maneiras diferentes de interpretar esta nova contemporaneidade.

Por este motivo a Escola de Artes de Lagoa – Mestre Fernando Rodrigues convidou os/as artistas interessados/as a submeter a sua participação, tema livre, nesta Exposição coletiva de Artes Plásticas.

As categorias para participação variam entre arte multimédia, cerâmica artística, desenho, escultura, fotografia, instalação, pintura ou outro cruzamento disciplinar/ outra variante artística.

Apresentaram trabalhos artistas, de diferentes nacionalidades, residentes ou a trabalhar no concelho de Lagoa.

 

 

Curadoria: Escola de Artes de Lagoa

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 
lifghtofsenses web    

 

Light of the senses, 2021

Escola de Artes Mestre Fernando Rodrigues, em Lagoa, recebe a exposição de fotografia “Light of the senses” de Ralph Torgardh,  que estará em exibição na Galeria Manuela Vale no período de 24 de fevereiro a 21 de abril.

A luz é muito importante na hora de fotografar, se não, o mais importante. “Quando você consegue captar a luz certa, ela lhe dá um sentimento, toca os seus sentidos”. Nesta exposição Ralph Torgardh opta por mostrar o tema a preto e branco com uma luz especial. As fotos são relativamente escuras, talvez não vá ter certeza do que vê, mas a luz na foto, poderá abrir os seus sentidos. Você decide o que vê, é a “Light of the senses”.

O autor é muito fascinado por pássaros. Todas essas espécies diferentes, mais ou menos coloridas. Sempre difícil de captar numa foto e que requer uma grande dose de paciência. Nesta exposição algumas fotos representam aves que Ralph Torgardh tem fotografado ao longo dos anos.

A exposição conta ainda com fotos macro. Esse tipo de fotografia é bastante novo para o autor, mas ao tentar entrar no pequeno mundo ao seu redor, Ralph Torgardh percebeu que esse é um tipo interessante de fotografia.

A exposição apresenta ainda outros temas como a grande arte do grafiti e a combinação de encantadores edifícios antigos que é a encantadora cidade de  Lisboa.

Outra parte da exposição é a fotografia de rua. Muitas vezes sente que é difícil aproximar-se das pessoas na rua, ou pode sentir algum constrangimento ao fazê-lo. Por outro lado, dá-lhe a possibilidade de conhecer pessoas. Depois de falar sobre fotografar, a maioria está interessada e feliz, muito poucos ficam aborrecidos. A maioria das fotos do autor são de Lisboa, mas algumas também de Londres.

A terceira exposição de Ralph Torgardh na Escola de Artes de Lagoa - Mestre Fernando Rodrigues, volta a contar com motivos paisagísticos que representam um dos seus maiores interesses em fotografar. As fotos da paisagem são da Ilha de Skye, na Escócia. Lá poderá encontrar uma paisagem incrível, para a qual o autor sempre deseja regressar.

A exposição pode ser visitada de segunda-feira a sexta-feira no período das 09h30 às 12h30 e/ou no período das 14h30 às 17h00

Uma exposição para ver e sentir o que foi fotografado.

 

Curadoria: Ralph Torgardh, EAL - Escola de Artes de Lagoa 

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 
 o poder da imaginacao cartaz    

 

O poder da imaginação, 2021

A Escola de Artes Mestre Fernando Rodrigues inicia 2022 com a exibição da Exposição “O Poder da Imaginação” de Anke Punt Bach, que estará patente de 13 de janeiro a 18 de fevereiro na Galeria Manuela Vale.

Sinopse: Anke Punt Bach, natural da Alemanha e agora residente no concelho de Lagoa, começou a pintar motivada pela paixão que tem pela arte, pelas cores, pelos antigos Mestres da pintura e pela natureza.

Com esta exposição “O Poder da Imaginação" procura a oportunidade de inspirar outros a ver o mundo à sua volta de forma diferente. "Para mostrar que criar algo pode ser divertido, edificante e levá-lo a uma viagem à terra da imaginação."

Anke, tendo a costa algarvia como inspiração, partilha uma série de trabalhos em que combina técnicas de artes plásticas com materiais encontrados na natureza durante os seus passeios pelo terreno acidentado da costa litoral e interior montanhoso.

"Esta é a minha terceira exposição desde que nos mudamos para o Carvoeiro, em 2019, que agora chamo de casa. Adoro ensinar, natureza, colorir e criar peças lindas que as pessoas podem desfrutar. "

A abertura da exposição será no dia 13 de janeiro, pelas 18h00. A exposição é de entrada gratuita e poderá ser visitada de segunda-feira a sexta-feira no horário da escola: 09h30 às 12h00 / 14h30 às 17h00.

Comece o ano com cultura visitando esta exposição na Escola de Artes Mestre Fernando Rodrigues, em Lagoa!

 

A exposição encontra-se patente até 18 de fevereiro.

 

Curadoria: Anke Punt Bach, EAL - Escola de Artes de Lagoa 

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 
ensimesmismos imagem.jpg    

 

Ensimesmismos e Lavo daqui as minhas mãos, 2021

A Exposição de Artes Plásticas "ENSIMESMISMOS E Lavo Daqui as Minhas Mãos" de Sandra Afonso, estará patente na Escola de Artes Mestre Fernando Rodrigues – Galeria Manuela Vale entre os dias 11 de novembro e 10 de dezembro.

Sinopse: “ENSIMESMISMOS: neologismo de ensimesmada - concentrada em si mesma” Com um olhar irónico, são apresentadas variações entre o auto-retrato e a auto-representação, entre olhares, gestos e expressões, procuro encontrar-me com o vazio. Olhares vazios, "xinos" no olho, cores que mascaram emoções ou as fazem transparecer. Entre uma percepção alterada e a realidade, surgem imagens mais ou menos distorcidas, mais ou menos próximas da realidade.

"Lavo daqui as minhas mãos" De Pilatos e à sombra da época que vivemos e sobre o ego e sobre ausências e novas presenças, tomadas de consciência, uns lavam, outros ficam por lavar, “eu já lavei e tu?”

Sandra Afonso nasceu em 1978 em Aveiro. Com formação académica em Escultura na Faculdade de Belas Artes do Porto fez a sua primeira exposição individual em 2009 nos Paços do Concelho da cidade de Aveiro. Com um trabalho focado na auto representação como simples motivo ou em pequenos momentos de contemplação. Memórias e fragmentos com pequenas ironias próprias.

A abertura da exposição será no dia 11 de novembro, pelas 18h00 e contará com a participação especial dos alunos da Oficina de Guitarra - Orquestra Juvenil de Guitarras do Algarve conduzidos pelo formador Rossano Lima.

A exposição é de entrada gratuita e poderá ser visitada de segunda-feira a sexta-feira no horário da escola: 09h30 às 12h00 / 14h30 às 17h00

 

A exposição encontra-se patente até 23 de dezembro.

 

Curadoria: Sandra Afonso, EAL - Escola de Artes de Lagoa 

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 
um olhar sobre1    

 

Um olhar sobre..., 2021 

 Sónia Balão apresenta-nos uma retrospetiva, uma exposição que comunica por si só, que mostra a exploração visual como artista independente desde que começou a dar as suas primeiras pinceladas.

O principal foco foi a figura humana, o retrato, sendo que foi ganhando maturidade através do desenho e da experimentação de diversos materiais de pintura. Com o tempo e a aprendizagem, os desafios da arte como mensagem visual, foram proporcionando momentos de interiorização pessoal e de exploração plástica contígua, aperfeiçoando técnicas e aprimorando as suas composições visuais.

Enquanto vai explorando e desenvolvendo diversos estilos e técnicas, continua a participar em exposições promovidas pela Associação PAS - Peace and Art Society, divulgando o seu trabalho cá e além fronteiras. Participou na Exposição na cidade de Nigde, na Turquia, em parceria com a PAS e a Fine Arts Association e na Exposição ARTISTAS PELA PAZ, que passou por várias cidades e vilas Algarvias, também promovida pela  PAS numa iniciativa conjunta entre o CPPC - Concelho Português para a Paz e Cooperação.

Recentemente participou na Exposição Fotográfica Algarve, Dança e Arte do Festival Entrelaçados na Casa Manuel Teixeira Gomes em Portimão.

Colabora como ilustradora solidária no Projeto Ajudaris.

Para além das obras que produz sobre tela, personaliza também peças de uso diário e vestuário como casacos de ganga, casacos de couro para noivas, calças, ténis, malas, Tote Bags, entre outras, proporcionando aos seus clientes uma peça única e com identidade pessoal.

A exposição “Um Olhar Sobre…” estará patente entre os dias 07 de outubro e 05 de novembro na Galeria Manuela Vale da Escola Mestre Fernando Rodrigues, em Lagoa.

A abertura da exposição será no próximo dia 07 de outubro pelas 18h00, a entrada é gratuita, e ficará disponível para visita de segunda-feira a sexta-feira nos períodos das 09h30 às 12h00 e das 14h30 às 17h00, sendo necessário apenas o cumprimento das normas em vigor por parte da DGS.

Não deixe de visitar esta exposição!

 

A exposição encontra-se patente até 5 de novembro.

 

Curadoria: Sónia Balão, EAL - Escola de Artes de Lagoa 

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 
ritmo das cores    

Ao Ritmo das Cores, 2021 

 

 Escola de Artes Mestre Fernando Rodrigues, em Lagoa, recebe a Exposição de Pintura “Ao Ritmo das Cores” de Ana Nobre que estará patente durante o mês de julho.

A entrada é gratuita e poderá visitar a exposição na Galeria Manuela Vale, de segunda-feira a sexta-feira das 09h30 às 12h00 e/ou das 14h30 às 17h00, sendo que a permanência no espaço está limitada conforme as normas em vigor emitidas pela DGS.

Sonhos, aspirações, desejos, mágoas! Retrato de uma sociedade e do “eu” que a habita. Paisagens e cenários, reais ou imaginários.

Linhas expressivas, traços firmes. Gestos e cores cheios de movimento e ritmo que nos transportam para um mundo, de certo modo, surreal.

Acima de tudo, esta exposição é uma abordagem muito pessoal sobre tudo o que nos rodeia.

A exposição encontra-se patente até 31 de Agosto.

 

Curadoria: Ana Nobre, EAL - Escola de Artes de Lagoa 

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 
poster serendipity2    

 

Serendipity, 2021

A Exposição de Fotografia “Serendipity”, de Layla Underhill, estará patente entre os dias 4 e 25 de junho, na Galeria Municipal Manuela Vale da Escola de Artes Mestre Fernando Rodrigues, em Lagoa.

Esta exposição visa dar a conhecer um pouco do percurso de Layla Underhill no mundo da fotografia.

Já parou para pensar que o que nos rodeia é tão único, cheio de nuances, cores, luz, sombras?

Tal beleza, que nos é concedida tão naturalmente, ao acaso, sem termos de procurar por ela?

Esta conexão com o mundo natural que nos abraça e presenteia com toda esta riqueza, torna todos estes pequenos clicks, estes segundos de contemplação, em momentos de serendipidade. Torna este espaço entre o espectador e a obra de arte quase que inexistente, numa ligação que simplesmente, o é.

A entrada é gratuita e poderá visitar a exposição de segunda-feira a sexta-feira entre as 09h30 e as 12h00 e/ou entre as 14h30 e as 17h00.

A entrada e permanência na galeria é limitada e sujeita à lotação considerando as normas em vigor emitidas pela DGS. O uso de máscara é obrigatório.

Uma exposição de fotografia a não perder.

 

 

Curadoria: Layla Hunderhill, Ana Rita Afonso, EAL - Escola de Artes de Lagoa 

 

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 
aves no algarve    

 

Fotografia de aves do Algarve, 2021

No âmbito do Curso de Técnico de Fotografia - Escola Gil Eanes de Portimão, a jovem lagoense Raquel Martins propõe-se  apresentar o trabalho "realizado para a Prova de Aptidão final de forma a concluir o 12º ano de escolaridade, no qual deveria escolher um tema a fotografar.

Sem grandes indecisões optei por fotografar Aves, uma vez que este ser vivo, para mim, representa a concretização de objetivos, estes lutam pela sobrevivência, como eu luto pela concretização de todos os meus sonhos.

Representam também a liberdade, amor, paz e alegria, tudo sentimentos que devem existir no nosso dia-a-dia.

Espero assim, proporcionar-vos a mesma felicidade e equilíbrio emocional que me deu a mim concretizar este trabalho e evento."

 

Curadoria: EAL - Escola de Artes de Lagoa 

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 

cartaz ATNC 2 A4

   

 

Abril traz novas cores/ April brings new colors, 2021

Durante o confinamento muit@s artistas continuaram a desenvolver e a criar. Através desses trabalhos surgem novas leituras e novos registos que contarão e convidarão a refletir sobre os ajustes feitos às rotinas, ao dia-a-dia, aos valores de liberdade e às restrições sociais provocados pela atual situação de pandemia que todos nós vivemos.

As categorias para participação variam entre: arte multimédia, cerâmica artística, desenho, escultura, fotografia, instalação, pintura ou outro cruzamento multidisciplinar.

Participam nesta exposição os artistas: Agneta Torgardh, Ana Rita Afonso, Anica Eriksson, Ana Nobre, Ania Rubin, Antje Lankenau, Arja Edvardsson, Arja Thomson-de Groot, C4C, Clara Andrade, Daniela Georgescu, Domingos Sequeira, Elisa Rafael, Eva Boberg, Florbela Moreira, Francisco Colimão Cintra, Graça Martins, Ibis Negra, Idalina Pinheiro, Ines Cristovam, Laura Martins, Joaquim Guilherme Nunes, Layla Underhill, Luísa Estevão, Maria Fernanda Vicente, Milene Mimoso da Silva, Mirjam Cool-Peeters, Ralph Torgardh, Rui Figueira, Rui Marques, Sandra Afonso, Sónia Balão Fernandes, Toni Dade, Vitaliy Manich, Wilson. 

Many artists continued to develop and create during confinement. It is through these works that new readings and new records emerge which will count and will invite us to reflect on the adjustments made to routines, day-to-day life, values of freedom and social restrictions caused by the current pandemic situation that we all live.

The artists participating in this exhibition are: Agneta Torgardh, Ana Rita Afonso, Anica Eriksson, Ana Nobre, Ania Rubin, Antje Lankenau, Arja Edvardsson, Arja Thomson-de Groot, C4C, Clara Andrade, Daniela Georgescu, Domingos Sequeira, Elisa Rafael, Eva Boberg, Florbela Moreira, Francisco Colimão Cintra, Graça Martins, Ibis Negra, Idalina Pinheiro, Ines Cristovam, Laura Martins, Joaquim Guilherme Nunes, Layla Underhill, Luísa Estevão, Maria Fernanda Vicente, Milene Mimoso da Silva, Mirjam Cool-Peeters, Ralph Torgardh, Rui Figueira, Rui Marques, Sandra Afonso, Sónia Balão Fernandes, Toni Dade, Vitaliy Manich, Wilson. 

Curadoria: EAL - Escola de Artes de Lagoa 

Colaboração: Ana Rita Afonso

 

Para ampliar a imagem abrir num novo separador.

 For bigger size open the image in another tab.

 

 

faces da natureza cartaz

   

 

  Faces of Nature/ Faces da Natureza, 2020

Ralph Torgardh começou a fotografar em 2012, ganhando especial interesse pela fotografia da natureza, da paixão pela fotografia e do especial interesse pela natureza resultou esta exposição que apresenta ao público, através da sua lente, as diferentes naturezas e paisagens de Portugal, Espanha, India e Suécia, de onde o autor é natural.

A viver em Portugal há mais de 4 anos, Ralph Torgardh convida-nos a desfrutar das diferentes paisagens que retratou, procurando transmitir ao público as mesmas sensações que experienciou ao fotografá-las. Segundo o autor “Como um fotógrafo de paisagens, eu procuro a composição, com as variações da luz e do clima. Um dia cinzento, de tempestade e chuva são muitas vezes mais interessantes do que somente um céu azul.”

Curadoria:Ralph Torgardh, EAL - Escola de Artes de Lagoa

 

 outros olhos 

    

 

  Com outros olhos, 2020

"A Escola de Artes de Lagoa- Mestre Fernando Rodrigues, como espaço inclusivo, acolheu o Rui Marques antes do seu Plano Individual de Transição e desde então tem explorado com ele diferentes técnicas plásticas, acabando o Rui, por descobrir, o gosto pela pintura.  

Vir pintar tornou-se uma rotina essencial, sendo a ponte que liga o seu mundo interior com o exterior. A escolha dos temas levou-o a novas descobertas, conhecimento, possibilidades e experimentação de técnicas e materiais plásticos.

Sem medo da tela em branco, vai-se familiarizando com as técnicas de desenho e pintura ao encontro do seu estilo, com muita dedicação.

Ao Rui Marques foi diagnosticado Autismo ainda muito jovem e  a prática artística tem sido uma ajuda, e agora pintar é mais que uma terapia é também uma oportunidade de divulgar o seu trabalho artístico e quiçá o inicio de um novo percurso.

O Rui tem participado em exposições individuais e coletivas, chegando a ser premiado pelo seu trabalho em concursos de pintura de âmbito nacional.”

Curadoria: EAL - Escola de Artes de Lagoa

 
 naturae      

  Naturae, 2020

"A exposição intitulada Naturae, tal como o próprio nome indica, é uma mostra coletiva de trabalhos que têm como temática principal a beleza e perfeição do mundo natural, que apesar de imperfeita ao seu jeito natural, torna todos os seres vivos que nos rodeiam verdadeiras obras primas impossíveis de esquecer devido aos seus pormenores, formas características e cores vibrantes!

Estará patente uma panóplia de ilustrações elaboradas pelos alunos da Oficina de Ilustração da Natureza, ministrado por Ana Rita M. Afonso, no decorrer deste ano e concebidas em diferentes técnicas: grafite, pontilhismo, scratchboard, trama com esferográfica de ponta fina, lápis de cor, aguarela, poliéster, entre outras.

As ilustrações terão a autoria de: Ana Rita Afonso, Ana Rocha, Anabela Palma, Anabela Serra, Bárbara Bachmann, Bárbara Ribeiro, Beatriz Mendes, Carolina Duarte, Catarina João, Custódia Ferro, Fátima Esteves, Fátima Pimentel, Fernanda Silva, Gabriela Palma, Gonçalo Candeias, Ingo Fromm, Ingrid Oncken, Juliana Costa, Margarida Gomes, Mónica Freire, Rosa Fonseca, Ruben Brígida, Tiago Sacramento e Daniela Marques."

Curadoria: Ana Rita Afonso, EAL - Escola de Artes de Lagoa

 
 pelos patudos      

  Pelos [e] Patudos, 2020

"Esta exposição, realizada pelos alunos da Professora Meire Gomes, tem como objetivo, incentivar a adoção e alertar sobre a necessidade de dizer NÃO aos maus tratos aos animais.

Com a exposição, pretende-se ainda, sensibilizar o público sobre a importância em cuidar e zelar pelo bem estar dos animais, bem como, passar esta mensagem por aqueles que estão ao nosso redor."

Curadoria: Meire Gomes, EAL - Escola de Artes de Lagoa

 
 GrAMMA      

  Grámma: aquilo que é desenhado, 2019

"Realiza-se na Escola das Artes Mestre Fernando Rodrigues em Lagoa a segunda mostra anual do grupo de artistas plásticos "Ai" fixados na Escola das Artes Mestre Fernando Rodrigues, sob a tutela do artista plástico Tiago Sacramento. Este ano o foco da exposição é o auto-reflexo do artista como entidade, seja através da interpretação da realidade através dos seus filtros individuais, assim como da recriação das suas próprias realidades internas."

Curadoria: Tiago Sacramento, Grupo AI, EAL - Escola de Artes de Lagoa

 
 CARTAZ reflexões Visuais         

  Reflexões visuais, 2019

"Esta exposição mostra os trabalhos dos alunos da professora Mirjam Cool. Há pinturas em óleo e acrílico, aguarelas e desenhos em soft-pastel. Trata-se de vários temas como a païsagem, o mar, a natureza-morta e o retrato humano e do animal."

Curadoria: Mirjam Cool-Peeters, EAL - Escola de Artes de Lagoa